Decidi que não vou ler nada por enquanto.  No que vai do ano, tenho lido, visto, sentido, vivido muito!  Preciso de um tempo para botar as coisas em ordem.  Um tempo para assimilar esses ensinamentos que tenho vivido e encarado como meus.  Bom dar-se esse tempo de vez em quando.  Levantar os olhos e ver o que está acontecendo ao nosso redor, ver o comportamento das pessoas, ouvir as conversas dos outros, entrar nessas vidas e se deleitar com as histórias.  Viver nossa vida e fazer parte desse universo tão vasto!

Ok, não sei quando esse hiato vai acabar.  Talvez comece um livro amanhã.  Afinal, o Piglia (Blanco Nocturno), o Poe (Selected Tales), o Proust (Em Busca do Tempo Perdido) e o Fiodor (Os Irmãos Karamazov) estão me esperando no lobby literário.  Oh tentação!  Mas juro que vou dar um tempo!

Advertisements